página acima: Passe
Sexo e Passe
-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

____Nas palavras de EMMANUEL temos que: " Sexo é espírito e vida, a serviço da felicidade e da harmonia do Universo" e mais: "Através dele dimanam forças_criativas, às quais devemos, na Terra, ...

  • O instituto da reencarnação,
  • O templo do lar,
  • as bênçãos da família,
  • as alegrias revitalizadoras do afeto
  • e o tesouro inapreciável dos estímulos espirituais."

____André_Luiz, por sua vez, esclarece que:"(...) o instinto_sexual não é apenas agente de reprodução entre as formas superiores, mas, acima de tudo, é reconstituinte das forças espirituais, pelo qual as criaturas encarnadas ou desencarnadas se alimentam mutuamente, na permuta de raios psíquico-magnéticos que lhes são necessários ao progresso."
____Realmente, o sexo é manancial bendito e energias vinculadas aos processos criativos e que, utilizado com a devida responsabilidade, pode representar fato 'inestimável para a manutenção do equilíbrio do indivíduo'.
____Não há, pois, qualquer incompatibilidade entre sexo e a prática assistêncial do passe, desde que seja fundamentado na responsabilidade, no amor e no respeito pelos sentimentos e individualidade do parceiro.
____Por ocasião do ato sexual, ocorrem descargas intensas de energia, que são, parcialmente, absorvidas pelos parceiros, bastando que, naquele momento, exista entre eles uma profunda sintonia_vibratória. Esta sintonia vibratória, entretanto, só se estabelece a partir de confiança, afetividade e equilíbrio.
____Como conseqüência dessas descargas energéticas, o organismo pode vir a apresentar-se, durante certo intervalo de tempo, num estado de relativo esgotamento energético. Esse esgotamento é, entretanto, progressivamente eliminado, sendo que, em geral, dele não se observará mais qualquer vestígio num intervalo de 24 a 36 horas.

____Dentro deste intervalo de recuperação energética do organismo, a capacidade para o serviço assistencial do passe irá apresentar-se um pouco diminuída, embora, de forma alguma, tal atividade se ache inviabilizada. A inviabilidade, como já vimos, irá ocorrer, isso sim, toda vez que nos deixarmos conduzir a situações de desequilíbrio, ligados ou não ao sexo.
____Alertamos apenas que o sexo pode, para alguns, vir a caracterizar-se como fonte de desequilíbrios, da mesma forma que para outros esta fonte pode ser a alimentação, o vestuário, a conversação ou até o convívio no lar.

Luiz C. de M. Gurgel

http://comunidadeespirita.com.br/esponline/passe%20o%20passista.htm
*