Movimentos brownianos
página acima

-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

____Provou-se recentemente que os movimentos brownianos, descoberto em 1827 pelo botânico inglês, Brown, são resultantes da estrutura molecular da matéria, segundo a qual as invisíveis moléculas de um líquido ou de um gás, colidindo-se com as microscópicas partículas aí suspensas, lhes comunicam um movimento irregular. Depende este da distribuição assimétrica das colisões ocasionadas por aquelas moléculas. Chegou-se, desse modo, pouco a pouco, a provar o caráter descontínuo de grandezas antes julgadas contínuas. Concebida, assim, a estrutura_atômica_da_matéria, a física clássica parece esboroar-se para dar lugar a uma física quantística ou estatística, em que dominam, não mais leis dinâmicas, mas leis estatísticas ou de probabilidade, não mais reguladoras de um caso individual, mas de inumeráveis processos individuais; leis que governam uma multidão de acontecimentos, na qual desaparece o indivíduo. Assim, a ciência superou a antiga interpretação mecanicista do mundo. Não mais propriedades que se definem deterministicamente, mas probabilidades que regulam as variações no tempo, segundo leis estatísticas relativas a grandes aglomerados de indivíduos.

AS ÚLTIMAS ORIENTAÇÕES DA CIÊNCIA

Pietro Ubaldi - 1951

http://geocities.yahoo.com.br/porland.geo/ciencia.html

____

____Nos chamados movimentos brownianos, bem como nas atrações moleculares,...

[41a - página 25] - EMMANUEL - 1940

____O movimento browniano é o movimento aleatório de partículas macroscópicas num líquido como conseqüência dos choques das moléculas do líquido nas partículas.

____Também pode ser observado quando luz é incidida em lugares muito secos, onde macro-partículas "flutuam" em movimentos aleatórios. (Vulgarmente confunde-se com poeira)

  • Ao primeiro a observar esse movimento, o biólogo Robert Brown, achou se tratar de uma nova forma de vida, pois ainda não se tinha completa ciência da existência de moléculas, e as partículas pareciam descrever movimentos por vontade própria.
  • O cientista que explicou corretamente esse movimento, propondo que a matéria fosse constituída de moléculas foi Albert Einstein, em 1905.
  • Há um padrão escondido nesse movimento aleatório que o classifica como um movimento fractal, pois descreve um padrão dinâmico bem definido. Quem primeiro se apercebeu disso foi Benoît Mandelbrot, matemático polonês.
  • Esse movimento está diretamente ligado com muitas reações ao nível celular, como a difusão, a formação de proteínas, a síntese de ATP e o transporte intracelular de moléculas.
  • Físicos atualmente estudam tal movimento em relação à Teoria do Caos.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Movimento_browniano

____Para bem compreender a transmutação_da_matéria nas formas dinâmicas, é mister conhecer bem sua natureza cinética. Isto não é fato novo para vós, porque o vórtice eletrônico vos diz exatamente a mesma coisa. Sabeis que cada espécie de átomo caracteriza-se por um espectro de emissão produzido por um comprimento_de_onda determinado com exatidão. Essa emissão espectroscópica acompanha constantemente o átomo de cada elemento, como seu equivalente dinâmico, provando sua regular e constante estrutura cinética. Somente esta pode explicar-vos os movimentos brownianos, que tão bem conheceis. Vimos que a matéria é um dinamismo incessante e que sua rigidez é toda aparente, devida à extrema velocidade que a anima totalmente; sabeis que a massa de um corpo aumenta com sua velocidade no espaço. Um jato de água velocíssimo oferece à penetração de um corpo a resistência de um sólido.

[63 - A GRANDE SÍNTESE - ESTUDO DA FASE BETA: ENERGIA ]http://pietroubaldieditora.com.br/biblioteca/GS/GrandeSintese/Capitulo046/fPagina187.htm

Ver também:
*