Duração das penas futuras
-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

Deus nunca obra caprichosamente e tudo, no Universo, se rege por leis, inclusive a duração das penas futuras, em que a Sua sabedoria e a Sua bondade se revelam.


[9a - página 463 questão 1003]

____A duração dos sofrimentos do culpado se baseia no tempo necessário a que se melhore. Sendo o estado de sofrimento ou de felicidade proporcionado ao grau de purificação do Espírito, a duração e a natureza_de_seus_sofrimentos dependem do tempo que ele gaste em melhorar-se. À medida que progride e que os sentimentos se lhe depuram, seus sofrimentos diminuem e mudam de natureza.

SÃO LUÍS.


[9a - página 463 questão 1004]

Ao Espírito sofredor, o tempo se afigura mais longo do que quando estava vivo: para ele não existe o sono. Só para os Espíritos que já chegaram a certo grau de purificação, o tempo, por assim dizer, se apaga diante do infinito.


[9a - página 463 questão 1005]

Ao Espírito podem ser impostas penas por determinado tempo; mas, Deus, que só quer o bem de Suas criaturas, acolhe sempre o arrependimento e infrutífero jamais fica o desejo que o Espírito manifeste de se melhorar.

SÃO LUÍS.


[9a - página 464 questão 1008]

Ver também:
*