Tipos de Galáxias
página acima

-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*
ELÍPTICAS
M89
____EO
M49
____E4
M110
____E5
M84
SO
ESPIRAIS
BARRADAS
ESPIRAIS
NORMAIS
NGC 660
SBa
NGC 7217
Sa
NGC 7479
SBb
NGC 4622
Sb
M58
SBc
M51
Sc
M82
IRREGULAR
M32
____ELÍPITICA
PEQUENA NUVEM DE MAGALHÃES IRREGULAR
VII Zw 403
____COMPACTA AZUL
LEO I
____ESFERÓIDE

____OS ASTRÔNOMOS DIVIDEM AS GALÁXIAS de acordo com um sistema de classificação conhecido como "diapasão", desenvolvido pelo astrônomo americano Edwin Hubble na década de 20. Esse sistema distribui as galáxias em três tipos básicos: elípticas (representadas pelo braço do diapasão, à direita), espirais (as pontas do diapasão) e irregulares (abaixo, à esquerda). As galáxias menores, conhecidas como anãs, têm taxonomia própria, ainda incerta. Cada tipo tem subtipos determinados por detalhes na forma da galáxia. Seguindo o diapasão do alto para baixo, o disco galáctico se torna mais proeminente e o bulbo central menos nas imagens ópticas. Os tipos Hubble podem representar estágios de desenvolvimento diversos. As galáxias começam como espirais sem bulbo, passam por colisões nas quais aparecem como irregulares e terminam como elípticas ou espirais com bulbo.www2.uol.com.br/sciam/galax1.htmlwww.sciam.com.br

Revista semanal: SCIENTIFIC AMERICAN - BRASIL

espiraisbarradas

Fotos de galáxias obtidas por Jim Wray, no McDonald Observatory.http://astro.if.ufrgs.br/galax/index.htm

NGC1365 M83
NGC1365 M83

Exemplos de galáxias espirais barradas e espirais.http://astro.if.ufrgs.br/galax/index.htm

____Um anel quase perfeito constituído por estrelas muito quentes e azuis, rodeia o núcleo de cor amarela de uma galáxia de aspecto estranho, conhecida como "Objecto de Hoag". Esta imagem, obtida com o Telescópio Espacial Hubble (ESA/NASA) mostra-nos, com um detalhe inédito, o anel de estrelas recém formadas que envolve o núcleo desta galáxia, que se encontra a 600 milhões de anos-luz, na direção da constelação da Serpente e que tem cerca de 120 000 anos-luz de diâmetro.

NASA & STScI/AURA

http://www.astro.up.pt/nd/astro_news/2003/0129pt.html#imagem2
*