Perguntas simpáticas ou antipáticas aos Espíritos
página acima

-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*
  • Os Espíritos respondem de boa-vontade às perguntas que lhes são dirigidas?
    R -Conforme as perguntas. Os Espíritos sérios sempre respondem com prazer às que têm por objetivo o bem e os meios de progredirdes. Não atendem às fúteis.
  • Basta que uma pergunta seja séria para obter uma resposta séria?
    R -Não; isso depende do Espírito que responde.
    Mas, uma pergunta séria não afasta os Espíritos levianos?
    R -Não é a pergunta que afasta os Espíritos levianos, o caráter daquele que a formula.
  • Quais as perguntas com que mais antipatizam os bons Espíritos?
    R - todas as que sejam inúteis, ou feitas por pura curiosidade e para experimentá-los. Nesses casos, não respondem e se afastam.
    Haverá questões que sejam antipáticas aos Espíritos imperfeitos?
    R -Unicamente as que possam pôr-lhes de manifesto a ignorância ou o embuste, quando procuram enganar; a não ser isso, respondem a tudo, sem se preocuparem com a verdade.
  • Que se deve pensar das pessoas que nas manifestações espíritas apenas vêem uma distração e um passatempo, ou um meio de obterem revelações sobre o que as interessa?
    R - essas pessoas agradam muito aos Espíritos inferiores que, do mesmo modo que elas, gostam de divertir-se e rejubilam quando as têm mistificado.
  • Quando os Espíritos não respondem a certas perguntas, será por que o não queiram, ou por que uma força superior se opõe a certas revelações?
    R -Por ambas essas causas. Há coisas que não podem ser reveladas e outras que o próprio Espírito não conhece.
    Insistindo-se fortemente, o Espírito acabaria respondendo?
    R -Não; o Espírito que não quer responder tem sempre a facilidade de se ir embora. Por isso é que se toma necessário espereis, quando se vos diz que o façais, e, sobretudo, não vos obstineis em querer forçar-nos a responder. Insistir, para obter uma resposta que se não quer dar, é um meio certo de ser enganado.
  • Todos os Espíritos são aptos a compreender as questões que se lhes proponham?
    R -Muito ao contrario: os Espíritos inferiores são incapazes de compreender certas questões, o que não impede respondam bem ou mal, como sucede entre vós mesmos.

    NOTA. Nalguns casos e quando seja conveniente, sucede com freqüência que um Espírito esclarecido vem em auxílio do Espírito ignorante e lhe sopra o que deva dizer. Isso se reconhece facilmente pelo contraste de certas respostas e além do mais, porque o próprio Espírito quase sempre o diz. O fato, entretanto, só ocorre com os Espíritos ignorantes, mas de boa fé nunca com os que fazem alarde de falso saber.

[17b - página 380 item 288]

*