página acima: Homem
Julgar e Discernir
-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

____Entre julgar e discernir, há sempre grande distância. O ato de julgar para a especificação de conseqüências definitivas pertence à autoridade divina, porém, o direito da análise está instituído para todos os Espíritos, de modo que, discernindo o_bem_e_o_mal, o erro e a verdade, possam as criaturas traçar as diretrizes do seu melhor caminho para Deus.

EMMANUEL - (Consolador) [55 - página 80]

____Abstenhamo-nos de julgar. Consoante a lição do Mestre que hoje abraçamos, o amor deve ser nossa única atitude para com os adversários.

____A vingança é a alma da magia negra. Mal por mal significa o eclipse absoluto da razão. E, sob o império da sombra, que poderemos aguardar senão a cegueira e a morte? Por mais aflitiva lhe seja a lembrança do adversário, recorde-o em suas preces e em suas meditações, por irmão necessitado de nossa assistência fraterna. Ainda não readquirimos nossa memória integral do passado e nem sabemos o que nos ocorrerá no futuro ...

  • Quem terá sido ele no pretérito?
  • alguém que ajudamos ou ferimos?
  • Quem será para nós no porvir?
  • Nosso pai ou nosso filho?

____Não condene! O ódio é como o incêndio que tudo consome, mas o amor sabe como apagar o fogo e reconstruir. Segundo a Lei, o bem neutraliza o mal, que se transforma, por fim, em servidor do próprio bem. Ainda que tudo pareça conspirar contra a sua felicidade, ame e ajude sempre, porque o tempo se incumbirá de expulsar as trevas que nos visitam, à medida que se nos aumente o mérito moral.

[28a - página 195] - André Luiz - 1954

Quem Agradece

Quem agradece a Deus a vida que recebe;
____O corpo em que se exprime e o tempo que desfruta;
A luz do entendimento e o poder de servir;
As afeições queridas e os bens de que dispõe;
Não sabe examinar os defeitos alheios;
____E nem encontra ensejo para se lastimar.

(EMMANUEL)

Ver também:
*