Histeria e Psiconeurose
página acima

-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

____As simbioses em que tantas existências respiram em reciprocidade de furto psíquico, nos quais Espíritos desencarnados, estanques em determinadas concepções religiosas, anestesiam_ou_infantilizam temporariamente consciências menos aptas ao auto-controle, porquanto se expressam igualmente nas moléstias nervosas complexas, como a hístero- epilepsia, em que o paciente sofre o espasmo tônico em opistótono, acompanhado de convulsões clônicas de feição múltipla, às vezes sem qualquer perda de consciência equivalendo a transe_mediúnico autêntico, no qual a personalidade_invisível se aproveita dos estados emotivos mais intensos para acentuar a própria influenciação.

____E, na mesma trilha de ajustamento simbiótico, somos defrontados na Terra, aqui e ali, pela presença de psiconeuróticos da mais extensa classificação, com diagnose extremamente difícil, entregues aos mais obscuros quadros mentais, sem se arrojarem à loucura completa.

____Tais entidades imanizadas ao painel fisiológico e agregadas a ele sem o corpo_de_matéria_mais_densa , vivem assim, quase sempre por tempo longo, entrosadas psiquicamente aos seus hospedadores, porquanto...

____E, impressionando o paciente que explora, muita vez com a melhor intenção, subjuga-lhe o campo_mental, impondo-lhe ao centro_coronário a substância_dos_próprios_pensamentos, que a vítima passa a acolher qual se fossem os seus próprios. Assim, em perfeita simbiose, refletem-se mutuamente, estacionários ambos no tempo, até que as leis da vida lhes reclamem, pela dificuldade ou pela dor, a alteração imprescindível.

[56 - página 107] - André Luiz -Pedro Leopoldo-MG, 16/3/1958

Ver também:
*