-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

PACIÊNCIA - 2354 - A fé sincera e verdadeira é sempre calma; faculta a paciência que sabe esperar, porque, tendo seu ponto de apoio na inteligência e na compreensão das coisas, tem a certeza de chegar ao objetivo visado. A calma na luta é sempre um sinal de força e de confiança; a violência, ao contrário, denota fraqueza e dúvida de si mesmo. ALLAN KARDEC em EVG 19/3 - ASV 17 - ATA 24 e 26 - BAC 32 - BPZ 60 - CLB 49 - CPL 9 - CRG 44 - CVD 5 - DMV 17 - DPMPG 279 a 282 - EDP 8 - EMC 29 e 46 - ETS 2 - HDV 37 - IRM 1 - JOI 7 - LMV 28 - MMC 32 - MMD 13 - MUN 25 - NSC 30 - OFR 44 - OTM 49 - PDA 34 - PLC 12 - PSC 17 e 25 - RML 20 - RUM 19 - SOL 53 - vtb 1489, 2290, 2900 e 3368

PACIÊNCIA - 2355 - A verdadeira paciência é sempre uma exteriorização da alma que realizou muito amor em si mesma, para dá-lo a outrem, na exemplificação. Para que nos edifiquemos nessa claridade divina, faz-se mister educar a vontade, começando pela disciplina de nós mesmos e pela continência nos nossos impulsos, considerando a liberdade do mundo interior, de onde o homem deve dominar as correntes da sua vida. EMMANUEL em CSL 254 - AVV 10 - EDA 4 - EMC 42 e 44 - HOJ 5 - IES 93 - INS 5 - PCC 4 - PLT 6 - URG 5 - VDS 8 - vtb 024, 298, 1269, 1319, 1397, 1584, 2616 e 3265

PACIÊNCIA - 2356 - A vossa paciência é eleição de Deus. PTS 1:4 - AGT 31 - CAI 21 - CME 76 - LRE 48 - PVE 33 - SED 22

PACIÊNCIA - 2357 - Acrescentai piedade à vossa paciência. SPD 1:6 - ATA Prefácio II - EMC 10 - PRN 19

PACIÊNCIA - 2358 - De Jó. JOH 1:11 a 22

PACIÊNCIA - 2359 - E assim, esperando com paciência, alcançou a promessa. HEB 6:15 e 10:36 - GAL 6:9 - DAG 6 - FVV 103 e 129 - IDL 12 -LRE 29 - PVE 68 - SMT 27 - TRI 2

PACIÊNCIA - 2360 Mil vezes bem-aventurada seja cada hora de tua paciência diante daqueles que não te compreendam ou te esqueçam, te firam ou te achincalhem, porque a paciência, invariavelmente feita de bondade e silêncio, abnegação e esquecimento do mal, é donativo essencialmente da alma, bênção da fonte divina do amor, que jorra das nascentes do sacrifício, seja formada no suor da humildade ou no pranto oculto do coração. EMMANUEL em LES 25 - LAV 22 - PCC 8 e 14 - vtb 490, 1550, 2843 e 3023

PACIÊNCIA - 2361 - Na vossa paciência ganhareis as vossas almas. LUC 21:19 - ABR 19 - ALM 22 - ANH 27 - ATE 6 - AVD 20 - AVV 2 - BAC 19 - CDE 34 - CMA 7, 20 e 32 - CME 5 e 67 - CVD 34 - CVO 38 -DCS 8 - DMV 39 - EPZ 2 - ETS 3 - FVV 136 - HCT 5 - HOJ 12 - IES 9, 43 e 81 - INS 10 - JOI 3 - LZV 6 - MPT 22 - MUN 17 e 41 - NOS 2 - PRN 48 - PTC 39 - PVE 171 - RUM 41 e 45 - SGU 6 - URG 7

PACIÊNCIA - 2362 - Paciência é o amor em ação. Todo bem traz por si paciência na base. Que a paciência em nós seja a calma em trabalho. EMMANUEL em ESC 2 - ESC 20 - ACO 23 - AES 12 - CTA 3 - ESV 4 - IES 59 - MUN 31 - NTE 10 - PLC 3 - PSC 5 e 33 - SDE 16 - SMD 39 - VIC 12 - vtb 260, 3192 e 3376

PACIÊNCIA - 2363 -Paciência não é conformismo; é reconhecimento da dificuldade existente, com a disposição de afastá-la sem atitude extremista. Nem deserção da esfera de luta e nem choro improfícuo na hora do sofrimento. EMMANUEL em LES 23 - ACO 22 e 57 - ACT 30 - ALM 15 - CMA 6 - CME 74 - CNV 17 - EDV 21 - ESV 16 - FDL 14 - INS 6 - MTA 13 - MTS 10 - PAZ 7 - PLC 14 - RES 75 - vtb 028, 248, 352, 507, 1004, 1253, 1505, 2850 e 3131

PACIÊNCIA - 2364 - Rogamo-vos sejais pacientes para com todos. PTS 5:14 - ALC 27 - ATA 11 - CRG 3 - HCT 10 - MUN 7 - OTM 39 - PSC 26 - PVE 94

PACIÊNCIA - 2365 - Sede pacientes, fortalecei vossos corações. TGO 5:8 - EPZ 5 - EVD 80 - PSC 11

PACIÊNCIA - 2366 - Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma. TGO 1:4 - EVG 9/7 - AVD 1 - IES 23 - LZV 17 - PVE 55, 67 e 77 - SGU 64 - SOL 18

PACIÊNCIA - 2367 - Todo trabalhador sem paciência assemelha-se ao cultivador dementado que arrancasse, diariamente, do seio da terra, a semente viva nela depositada, para verificar se já germinou. ANDRÉ LUIZ em OES 21 - JOI 12 - NDB 4 - OFR 44 - vtb 2873

PACIÊNCIA - vtb aflição - CRUZ - MISERICÓRDIA - ORDEM - PRESSA - TOLERÂNCIA - TRIBULAÇÕES, 111, 260, 478, 818, 1186, 2523, 2664, 3228, 3243 e 3250

PACTOS 2368 - Não há pactos, mas somente naturezas más que simpatizam com maus Espíritos. Aquele que intenta praticar uma ação má, pelo simples fato de alimentar essa intenção, chama em seu auxílio maus Espíritos, aos quais fica então obrigado a servir, porque dele também precisam esses Espíritos, para o mal que queiram fazer. Nisto apenas é que consiste o pacto. LEP 549 - LEP 550 - LMD 278 - TOB 17 - vtb 1189 e 1527

PADRES - v. SACERDOTES

PAGAMENTO - v. RETRIBUIÇÃO

PAGANISMO - v. 2935

PAI NOSSO - 2369 - Modelo de concisão, obra-prima de sublimidade na simplicidade, resume, sob singela forma, todos os deveres do homem para com Deus, para consigo mesmo e para com o próximo. Encerra uma profissão de fé, um ato de adoração e de submissão, o pedido das coisas necessárias à vida e o princípio da caridade. ALLAN KARDEC em EVG 28/2 - MAT 6:9 a 13 - LUC 11:2 a 4 - BNV 18 - CFZ 26 - CNA 26 - CRF 54 - ETD 20 - ETS 23 - EVD 21 - FVV 77 e 164 - HNV 18 - NPM 7 e 133 - NSS 24 - PPHPG 45 - SED 18 - SHA 26 a 31 - SOL 22 - URV 13 - VMO 25 - vtb 775, 1340, 2289, 2440, 2584, 3150 e 3412

PAIXÃO - 2370 - A paixão cega sempre. Nossa vida mental é a nossa vida verdadeira e, por isso, quando a paixão nos ocupa a fortaleza íntima, nada vemos e nada registramos senão a própria perturbação. ANDRÉ LUIZ em ETC 16 - LEP 952 - CTD 28 - DTE 8 - LOB 3 - NFP 19 - NPM 42 - PAMPG 21, 52 e 81 - PNS 65 e 141 - QTO 11 e 13 - RTL 19 - vtb 347

PAIXÃO - 2371 - As paixões nascem principalmente das necessidades do corpo e dependem, mais do que o instinto, do organismo. O que, acima de tudo, as distingue do instinto é que são individuais e não produzem, como este último, efeitos gerais e uniformes: variam de intensidade e de natureza, conforme os indivíduos. São úteis, como estimulantes, até a eclosão do senso moral que faz nascer, de um ser passivo, um ser racional. Nesse momento tornam-se não só inúteis, como nocivas ao progresso do Espírito, cuja desmaterialização retardam. Abrandam-se com o desenvolvimento da razão. O instinto se aniquila por si mesmo; as paixões somente pelo esforço da vontade podem domar-se. ALLAN KARDEC em GNS 3/18 e 19 - GNS 3/10 - LEP 191a, 363, 485 e 907 - ADV 7 - QTE 16 - SCS 2 - vtb 1472, 1563 e 3006

PAIXÃO - 2372 - As paixões são como um cavalo, que é útil quando governado e perigoso quando governa. LEP 908 - ATP 4 - LEK 46 - vtb 916

PAIXÃO - 2373 - Deus não extermina as paixões dos homens, mas fá-las evolutir, convertendo-as pela dor em sagrados patrimônios da alma, competindo às criaturas dominar o coração, guiar os impulsos, orientar as tendências, na evolução sublime dos seus sentimentos. EMMANUEL em CSL 184 - ANH 23 - vtb 143 e 1560

PAIXÃO - 2374 - Péssima conselheira, a paixão induz a perturbadoras iniciativas, que podem render satisfação no presente, mas invariavelmente geram frustrações e angústias no futuro. O recurso mais eficiente para eliminar os impulsos passionais é a reflexão, pensando muito antes de agir. RICHARD SIMONETTI em USF 13 - CFNPG 309 a 312 - EMC 7 - NPB 6 e 41 - OFR 40 - vtb 245, 393, 400, 917, 2412, 2564 e 2566

PAIXÃO - 2375 - Quando o homem crê que não pode vencer as suas paixões, é que seu Espírito se compraz nelas, em conseqüência da sua inferioridade. LEP 911 - vtb 1334, 2548, 3149 e 3414

PAIXÃO - vtb CIÚME - CUPIDEZ - INSTINTO - INVEJA, 047, 121, 419, 474, 1588, 1736, 1741, 2267, 2273, 2781, 2975, 3096, 3099 e 3257

PALAVRA - 2376 - A boca do justo é manancial de vida, mas a violência cobre a boca dos ímpios. PVB 10:11 - CRI 30 - IND 16

PALAVRA - 2377 - A intriga é sempre a arma dos tíbios e covardes, que se acobertam na pusilanimidade, apunhalando suas vítimas com o instrumento que os vencerá... Fomentada pela ambição desmedida, é mantida pela inveja que retrata o caráter dos seus ativistas. VICTOR HUGO em CVRPG 203 - VZG 38

PALAVRA - 2378 - A língua é um pequeno membro capaz de grandes coisas e de contaminar todo o corpo; é um fogo que pode inflamar o curso da natureza. TGO 3:5 a 9 - SLM 12:3 - PVB 12:18 - APV 16 - CTA 11 - ETV 10 - FEV 23 - FGP 1 - IDL 31 - IES 96 - IPS 9 - LPE 46 - MSG 17 - PMG 24 - PNS 170 - PTC 35 - PVE 52 - RES 86 - RML 30 - SGU 84 - VDR 3 - VZG 38 e 63

PALAVRA - 2379 - A linguagem dos Espíritos, como a dos homens, está sempre em relação com o grau de elevação a que tenham chegado. Se bem não exista critério, além do bom-senso, para se aquilatar do valor dos Espíritos, podemos distinguí-los pela linguagem, pelos sentimentos que inspiram e pelos conselhos que dão. Os bons só prescrevem o bem; nenhuma máxima ou conselho que não se conformem estritamente com a pura caridade evangélica podem ser obra de bons Espíritos. LMD 263 a 268 - LMD 302 e Cap 31/4 - LEP Introdução VI e X, 101 a 104, 111, 464 e Conclusão IX - CFN1P 10/13 - BNV Prefácio - CSL 379 - CTNPG 61 - CVV 69 - FVV 121 - HNV 18 - PBSPG 47 - RML 49 - vtb 300, 956, 995, 1060, 1524, 1937, 2551 e 2656

PALAVRA - 2380 - A mais elevada função da palavra é a da construção do bem. EMMANUEL em MUN 35 - CPN 15 - CVO 39 - vtb 2414

PALAVRA - 2381 - A palavra constrói ou destrói facilmente e, em segundos, estabelece por vezes resultados vitais para muitos anos. ANDRÉ LUIZ em SOL 37 - ADR 9 - BAC 12 - CAP 10 - CSL 124 - CVD 43 - EPV 33 - EPZ 4 - EVD 49 - IES 61 - IRU 14 - LES 67 - MDL 25 - MMC 29 - MOR 28 - OBV 2 - RES 19 - SDE 3 - SMD 81 - SNV 30 - STN 13 - vtb 455, 1672, 1678, 1736, 1764, 1825, 2262, 2414, 2664 e 2855

PALAVRA - 2382 - A palavra do Cristo habite em vós abundantemente, em toda sabedoria, ensinando-vos e admoestando- vos uns aos outros. CLS 3:16 - BPZ 4 - FVV 59 e 125 - PVE 118

PALAVRA - 2383 - A palavra é um símbolo que veste a ideia; por sua vez, formulação do pensamento, que se torna uma memória acumulada e retorna quando se deseja vesti-lo. Necessário o estudo de uma nova linguagem, libertadora, que rompa com o atavismo, com a “memória da sociedade”, acumulada de símbolos, falsos uns, e inadequados outros. JOANNA DE ÂNGELIS em HIT 7 - vtb 1390, 1731, 2412, 2563 e 2836

PALAVRA - 2384 - A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para que saibais como vos convém responder a cada um. CLS 4:6 - MAR 9:50 - PPD 3:15 - ACT 9 - AES 23 e 33 - AGT 12 - ALM 32 - ATA 9 e 48 - BAC 30 - BPZ 20 - BVS 4 - CAI 25 - CAP 24 - CDA 31 - CMA 4 - CRA 3 - CVO 39 - EMC 37 - ETR 23 - EVD 26 - HDV 5 - ITP Prefácio - JOI 17 - LES 24 - MDL 26 - MDS Prefácio e 61 - MMD 11 e 47 - MPT 16 - NOS 20 - PNS 77 - SDE 44 - SJT 15 - SNL 7 - SOL 12 - TCB 15 - TCL 35 - vtb 1179

PALAVRA - 2385 - Ao servo do Senhor não convém contender, mas sim ser manso, sofredor. STM 2:24 - TIT 3:2 - ACO 53 - DSF 2 - MDS 9 e 32 - NRF 3 - PNS 98 e 142 - vtb 2899

PALAVRA - 2386 - As más conversações corrompem os bons costumes. PCR 15:33 e 5:6 - ATD 6 - BAC 40 - EPV 20 - HRM 15 - OFR 31 - PNS 74 - PVE 62 - SJT 23 - SNV 29 - vtb 2555

PALAVRA - 2387 - As suas palavras (das mulheres) lhes pareciam (aos apóstolos) como desvario, e não as creram. LUC 24:11 - VLZ 9 - vtb 2863

PALAVRA - 2388 - Assentam diante de ti (do Senhor) e ouvem as tuas palavras, mas não as põem por obra, pois lisonjeiam com a sua boca mas o seu coração segue a sua avareza. EZQ 33:31 - MAT 15:8 - CAP 12 - vtb 1298

PALAVRA - 2389 - Assistimos hoje em dia a um impressionante processo de degradação do “poder de comunicação” do indivíduo, paradoxalmente numa época em que os “meios de comunicação atingem elevados índices de diversificação, eficiência e expansão. São muitos os que não conseguem expressar em nível satisfatório aquilo que pensam e desejam transmitir. Degradou-se a qualidade dos textos escritos, tanto quanto a da palavra falada. Testemunhamos uma tendência de retorno ao pictograma, à figurinha, à imagem gráfica, em lugar da inteligente manipulação da palavra, refinado e destilado produto de milênios de aperfeiçoamento da instrumentação veiculadora do pensamento. Daí, dizem alguns, o sucesso crescente das histórias em quadrinhos ou da imagem falante na televisão ou no cinema. HERMINIO C. MIRANDA em EPH 10 - vtb 498, 1764, 2059 e 2932

PALAVRA - 2390 - Busca a conversação agradável. O mutismo levar-te-á a um estado de letargia mental, tornando-te presa fácil dos desajustes emocionais. JOANNA DE ÂNGELIS em OFR 38 - LEP 772 - DPE 7 - TMG 35 - VEV 9 - vtb 182, 386 e 1266

PALAVRA - 2391 - Conserva o modelo das sãs palavras que de mim tens ouvido. STM 1:13 - TIT 1:9 - PNS 97 - PVE 87

PALAVRA - 2392 - Contenda de palavras que para nada aproveitam e são para perversão dos ouvintes. STM 2:14 - LMD 49/10 - BPZ 6 - CAT 12 - CVV 60 - DMV 41 - IND 3 - MSA 45 - OFR 15 - RAT 8 - RTL 14 - SNV 43 - STL 6

PALAVRA - Da cruz. v. 1769; De Cristo. v. 354, 1070, 1115, 2316, 2382, 2391, 2416 e 2427; De Deus. v. 1713 e 2895

PALAVRA - 2393 - De toda a palavra ociosa que os homens disserem, hão de dar conta no dia do juízo, porque por tuas palavras serás justificado ou condenado. MAT 12:36 e 37 - EVG 24/12 - AVD 10 - CFZ 8 - DDV 14 - EDV 7 - LDA 6/17 - MUN 6 - PCT 33 - vtb 995, 2414 e 3091

PALAVRA - 2394 - De uma mesma boca procede bênção e maldição. Meus irmãos, não convém que isto se faça assim. TGO 3:10 - PVE 173 - VLZ 179 - vtb 1837

PALAVRA - 2395 - Despojai-vos das palavras torpes da vossa boca. CLS 3:8 - NPB 18 - PNS 147

PALAVRA - Discussão, demanda, contenda. v. 2385, 2392, 2401, 2424, 2429, 2505, 2899, 2964 e 2991

PALAVRA - 2396 - Em breve irei ter convosco e então conhecerei, não as palavras dos que andam inchados, mas a virtude. Porque o reino de Deus não consiste em palavras, mas em virtude. PCR 4:19 e 20 - CME 59 - VLZ 72 - vtb 2991 e 3373

PALAVRA - 2397 - Estes, porém, dizem mal do que não sabem; e, naquilo que naturalmente conhecem, como animais irracionais se corrompem. JUD 10 - SPD 2:12 - CLB 29 - CVV 48

PALAVRA - 2398 - Evita os falatórios profanos que produzem impiedade. STM 2:16 - PTM 4:7 - AVD 23 e 28 - CLB 17 - DMV 32 - ITP 14 - LNL 59 - MLZ 8 - OTM 27 - PCT 33 - PTC 43 - VLZ 73

PALAVRA - Explicador espírita. v. 1179

PALAVRA - 2399 - Falamos, não como para agradar aos homens, mas a Deus, que prova os nossos corações. PTS 2:4 - vtb 066

PALAVRA - 2400 - Falar com autoridade. MAT 21:23 e 24 - MAR 11:28 e 29 - LUC 4:32 e 36 e 20:2 e 3 - CTA 14 - CVV 63 - NSC 24 - PND 11

PALAVRA - Falar e praticar. v. 383, 969, 2388, 2411 e 2428

PALAVRA - 2401 - Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas; para que sejais irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis, retendo a palavra da vida, para que no dia do Cristo possa gloriar-me de não ter corrido nem trabalhado em vão. FLP 2:14 a 16 - PCR 10:10 - GAL 2:2 - PPD 4:9 - CES 17 - DSF 3 - HRM 5 - PNS 75

PALAVRA - 2402 - Há tempo de estar calado, e tempo de falar. ECL 3:7 - LEP 772 - EMC 8 - EPV 18 - EPZ 2 - IPS 14 - LES 22 - LRE 41 - MDS 52 - PVE 145 - RAL 22 e 43 - SOL 2 - vtb 2343, 2345 e 3127

PALAVRA - 2403 - Linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário não tenha que dizer de nós. TIT 2:8 - PPD 2:15 - FVV 43 - NPB 51 - vtb 1546 e 2656

PALAVRA - 2404 - Muitíssimo incompleta é a vossa linguagem, para exprimir o que está fora de vós. Teve-se então que recorrer a comparações e tomastes como realidade as imagens e figuras que serviram para estas comparações. A medida, porém, que o homem se instrui, melhor vai compreendendo o que a sua linguagem não pode exprimir. LEP 966 - LEP 3, 13, 28, 82, 143 e 443 - DKA 48 - GRNPG 115 - AVL 17 e 19 - MSG Prefácio - NINPG 355 - vtb 489 e 2579

PALAVRA - 2405 - Não deliro, ó potentíssimo Festo; antes digo palavras de verdade e de um são juízo (Paulo). ATS 26:25 - PETPG 489 - vtb 1294 e 1773

PALAVRA - 2406 - Não faleis mal uns dos outros. TGO 4:11 - ROM 2:1 - PPD 2:1 - LMD 252 - CMA 24 - CNA 33 - ETR 13 - EVD 41 - FVV 151 - LMV 50 LPE 30 - PCT 33 - PPHPG 77 - RML 30 - VMO 32

PALAVRA - 2407 - Não fales aos ouvidos do tolo, porque desprezará a sabedoria das tuas palavras. PVB 23:9 - MAT 7:6 - ATS 13:45 e 46 - vtb 359, 655, 2640, 2706 e 2849

PALAVRA - 2408 - Não saia de vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação. EFE 4:29 - CES 14 - CTL 10 - CVV 45 - LRE 33 - MSA 17 - PVE 123 e 164 - TRI 12 - vtb 2656

PALAVRA - 2409 - Não se dêem a fábulas ou a genealogias intermináveis, que mais produzem questões do que edificação. PTM 1:4 - MAT 3:9 -LUC 3:8 - TIT 3:9 - MDS 56 - vtb 1607

PALAVRA - 2410 - Nunca homem algum falou assim como este homem (os servidores do templo, entre eles Nicodemus, referindo-se a Jesus). JOO 7:46 - MAT 7:29

PALAVRA - 2411 - Observai, pois, e praticai tudo o que vos disserem (os escribas e fariseus); mas não procedais em conformidade com suas obras, porque dizem e não praticam. MAT 23:3 - ROM 2:17 a 23 - CAP 28 - vtb 1411, 2207, 2328 e 2991

PALAVRA - 2412 - Observe que do campo mental aos lábios temos um trajeto claramente controlável para as nossas manifestações e, por isso mesmo, tão logo a ideia negativa nos alcance a cabeça, busquemos arredá-la, de vez que um pensamento pode ser substituído, de imediato, no silêncio do espírito, ao passo que a palavra solta é sempre um instrumento ativo em circulação. ANDRÉ LUIZ em BAC 28 - ACO 32 - ALM 25 - BVS 4 - CVV 35 e 77 - EVV 11 - IES 76 - IRM 2 - LPE 55 - MMD 37 e 54 - MUN 39 - OFR 13 - SNV 39 - S0L 26 - TRL 7 - vtb 245, 558, 917, 1447, 1455, 2374, 2383 e 2566

PALAVRA - 2413 - Orando também juntamente por nós, para que Deus nos abra a porta da palavra. CLS 4:3 - EFE 6:19 - STS 3:1 - ETR 14 - SGU 54 - vtb 1179

PALAVRA - 2414 - Os elementos psíquicos que exteriorizamos pela boca são potências atuantes em nosso nome, fatores ativos que agem sob nossa responsabilidade, em plano próximo ou remoto, de acordo com as nossas intenções mais secretas. É imprescindível vigiar a boca, porque o verbo cria, insinua, inclina, modifica, renova ou destrói, por dilatação viva de nossa personalidade. EMMANUEL em VLZ 97 - AMG 7 - APV 16 - ATA 9 - AVE 12 - BAC 12 e 30 - BPZ 6 e 24 - CAI 15 - CAV 19 - CFZ 42 - CME 2 - CRI 30 - CVD 35 - DTE 7 - EDP 18 - EMC 8 - ETC 22 - ETS 100 - EVD 15 - EVV 2 - FVV 43, 108 e 161 - GPT 18 - INS 7 - IPS 9 e 27 - LEK 14 - LES 24 - MPT 16 - NOS 20 - OBV 2 - OFR 19 - OTM 41 - PAZ 13 e 15 - PDA 23 - PLT 8 - PMG 30 - PSC 21 - PVE 164 - RDV 17 - RFG 14 - SGU 13 e 21 - SHA 15 - SMD 27 - SNV 3 e 40 - VEP 17 - VLZ 16 e 160 - VZG 20 e 44 - vtb 182, 1180, 1447m, 1541, 1592m, 1825, 2339, 2340, 2380, 2381, 2393, 2554, 3042 e 3091

PALAVRA - 2415 - Os Espíritos se vêem e se compreendem. A palavra é material: é o reflexo do Espírito. O fluido universal estabelece entre eles constante comunicação; é o veículo da transmissão de seus pensamentos, como para vós, o ar o é do som. É uma espécie de telegrafo universal, que liga todos os mundos e permite que os Espíritos se correspondam de um mundo a outro. LEP 282 - LEP 420, 421 e 448 - EVG 27/10 - LMD 100/11, 223/15, 224, 225 e 282/5 - AQMPG 181 - DDRPG 97 a 147 - DPMPG 216 -EVM2P 2 - GRNPG 49 - NLR 24 e 37 - SMD 38 - vtb 1322, 1951, 1956, 2560 e 3107

PALAVRA - Palavras de vida eterna. v. 354

PALAVRA - 2416 - Passarão o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão. MAT 24:35 - MAR 13:31 - LUC 21:33 - ISS 40:8 - GNS 17/26 - EGTPG 159 - vtb 2451

PALAVRA - 2417 Pessoas existem que não ponderam quanto aos recursos verbais que enunciam e outras se expressam sob a hipnose de inteligências desencarnadas em desespero ou desfiguradas pela ignorância. EMMANUEL em IRM 2 - EDV 25 - vtb 1543, 1672, 2245, 2656 e 3031

PALAVRA - 2418 - Por que não entendeis a minha linguagem? Por não poderdes ouvir a minha palavra. JOO 8:43 - FVV 48

PALAVRA - 2419 - Precisamos de muita cautela com a palavra, nos momentos de tensão alta do nosso mundo emotivo, a fim de que a nossa voz não se desmande em gritos selvagens ou em considerações cruéis, semeando espinheiros de antipatia e revolta que nos prejudicarão a tarefa. ANDRÉ LUIZ em ETC 22 - BAC 30 - CMA 4 - NDB 4 - PNS 80 - SJT 15 - TCB 15 - vtb 455 e 460

PALAVRA - 2420 - Que ninguém vos engane com palavras persuasivas. CLS 2:4 - ROM 16:18 - EFE 4:14 - CVV 78 - vtb 880, 1524, 1542, 2621 e 2691

PALAVRA - 2421 - Quem fala sem o coração naquilo que fala não alcança o coração que deseja atingir. EMMANUEL em CPN 15 - ACO 49 - ASV 20 - CES 16 - CRG 5 e 31 - DNH 7 - LEK 2 - MLZ 18 - NDM 23 - vtb 194, 558, 944, 960, 1087, 1166, 1179, 2272, 2274, 2285 e 2322

PALAVRA - 2422 - Quem quer amar a vida, e ver os dias bons, refreie a sua língua do mal, e os seus lábios não falem engano. PPD 3:10 - PVE 80 e 109

PALAVRA - 2423 - Querendo ser doutores da lei, e não entendendo nem o que dizem nem o que afirmam. PTM 1:7 e 6:4 - VLZ 15

PALAVRA - 2424 - Questões loucas e sem instrução produzem as contendas. STM 2:23 - TIT 3:9 - CES 30

PALAVRA - 2425 - Responder antes de ouvir, estultícia é, e vergonha. PVB 18:13 - JOO 7:51 - DTR 1:17 - MMD 11

PALAVRA - 2426 - Se alguém cuida ser religioso e não refreia sua língua, sua religião é vã. TGO 1:26 - SLM 34:13 e 39:1 - APV 7 - CDV 31 - PRN 17

PALAVRA - 2427 - Se permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sereis meus discípulos. JOO 8:31 - ETS 60 - NPM 14

PALAVRA - 2428 - Sede cumpridores da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos com falsos discursos. TGO 1:22 - MAT 7:21 - LUC 6:46 - ROM 2:13 - DCS 11 - ITP 20 - LZV 8 - PNS 165 - PVE 95 - TCL 9 - vtb 016, 2344 e 2852

PALAVRA - 2429 - Seja vosso falar sim, sim, não, não; o que passa disto é de procedência maligna. MAT 5:37 - TGO 5:12 - AVV 11 - BPZ 38 - CNA 20 - EVV 8 e 39 - IES 54 - LES 26 - LZE 35 - NPM 123 - PJS 44 - PNS 80 - PRR 13 - SHA 19 - SMD 40 - VMO 20 - vtb 194, 1504, 1680, 2051 e 3321

PALAVRA - 2430 - Sem lenha o fogo se apagará e não havendo maldizente cessará a contenda. PVB 26:20 a 22

PALAVRA - Sem mão que ajude, a palavra erudita morre no ar. v. 969 e 3337

PALAVRA - 2431 - Sua garganta é um sepulcro aberto; com a sua língua trata enganosamente, peçonha de áspides está debaixo de seus lábios. ROM 3:13 - SLM 5:9 e 140:3 - FVV 51 - VZG 38

PALAVRA - 2432 - Tende uma boa consciência para que, naquilo em que falam mal de vós, fiquem confundidos. PPD 3:16 - ACT 25 - DMV 25 - EMC 13 - LPE 32

PALAVRA - Torpe. v. 2395 e 2408

PALAVRA - vtb MENTIRA - OUVIR - SARCASMO - VERBO, 100, 118, 142, 166, 206, 461, 560, 878, 1531, 1532, 1547, 2298, 3021, 3024 e 3323

PÂNICO - 2433 - O distúrbio de pânico encontra-se enraizado no ser que desconsiderou as Soberanas Leis e se reencarna com predisposição fisiológica, imprimindo nos gens a "necessidade" da reparação dos delitos transatos. JOANNA DE ÂNGELIS em AIM 10 - vtb 643, 845, 2762 e 2777

PANTEÍSMO - 2434 - No Panteísmo propriamente dito, considera-se o princípio universal de vida e de inteligência como constituindo a Divindade. Deus é concomitantemente Espírito e matéria; todos os seres, todos os corpos da Natureza compõem a Divindade, da qual são as moléculas e os elementos constitutivos; Deus é o conjunto de todas as inteligências reunidas; cada indivíduo, sendo uma parte do todo, é Deus ele próprio; nenhum ser superior e independente rege o conjunto. ... Segundo essa doutrina, cada indivíduo assimila ao nascer uma parcela do princípio inteligente, que constitui sua alma, e dá-lhe vida, inteligência e sentimento. Pela morte, esta alma volta ao foco comum e perde-se no infinito, qual gota d'água no oceano. As conseqüências dessa doutrina são as mesmas do materialismo, já que ser o homem imerso em o nada ou no reservatório comum, é para ele a mesma coisa; aniquilado ou perdendo a sua individualidade, é como se não existisse. ALLAN KARDEC em CFN1P 1/5 a 9 - LEP Introdução II, 14 a 16, 72, 77, 83, 139, 150 a 152 e 959 (Obs) - AQMPG 47 - CSL 326 - CVCPG 14 - DPMPG 36 - EES 3 - GRNPG 100 - JVN 81 - MFR 6 - PAMPG 97 e 98 - SCS 8 - vtb 447, 790, 807, 1060, 1131, 2595, 3290 e 3294

PANTEÍSMO - 2435 - Queiramos ou não reconhecer a verdade, estamos mergulhados no oceano da Energia Divina, tanto quanto o peixe dentro d’água. Nós, porém - as criaturas humanas -, somos almas conscientes, livres para pensar, imaginar, criar e estabelecer, gerando causas e conseqüências na esfera de nossos próprios destinos. EMMANUEL em EMC 5 - vtb 767, 1455, 1727 e 1757

PÃO - 2436 - Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome. JOO 6:35, 48 e 58 - CRF 33 - DMV 48 - EGTPG 150 - ETS 35 e 62 -LRD 35 - MDC 25 - MSA 57 - NPM 111 - NSC 12 - PJS 70 - PVE 123 e 134 - SDA 16 - vtb 1327

PÃO - 2437 - Jesus reconhecido no partir do pão. LUC 24:30, 31 e 35 - MAT 14:19 - JOO 6:26 - PNS 129

PÃO - 2438 - Meu Pai vos dá o verdadeiro pão do céu. JOO 6:32 - SLM 105:40 - NEE 9:15 - GNS 15/51 - NPM 75 - PJS 85 - VLZ 173

PÃO - 2439 - Nem só de pão vive o homem, mas de tudo que sai da boca do Senhor. MAT 4:4 - LUC 4:4 - DTR 8:3 - JOH 23:12 - CFZ 7 - CMQPG 62 - ETS 42 e 82 - EVM2P 1 - FVV 18, 41 e 157 - LES 84 - MDC 23 - MMC 20 - NLR 18 - NSC 21 - PCT 56 - vtb 097, 182 e 1475

PÃO - 2440 - O pão nosso de cada dia nos dá hoje. MAT 6:11 - LUC 11:3 - PVB 30:8 - EVG 28/3-IV - CVV 174 - EVD 85 - NSC 3 - SHA 29 - vtb 2369

PÃO - 2441 - Primeira multiplicação (5 pães e 2 peixes para 5000 homens). MAT 14:15 a 21 e 16:9 e 10 - MAR 6:35 a 44 e 8:19 e 20 - LUC 9:12 a 17 - JOO 6:5 a 13 - GNS 15/48 e 51 - ENC 11 - ETS 62 - FVV 131 - MST 2 - NLI 20 - NSS 35 - PRD 8 - PTC 1 - VLZ 91 - vtb 096 e 764

PÃO - 2442 - Quantos pães tendes? MAT 15:34 - MAR 8:5 - FVV 133 - PVE 9 - SGU 37 - vtb 552

PÃO - 2443 - Segunda multiplicação (7 pães e uns peixinhos para 4000 pessoas). MAT 15:32 a 38 e 16:9 e 10 - MAR 8:1 a 9, 19 e 20 -GNS 15/48 e 51 - PNS 124 - VLZ 6 e 91

PÃO - vtb ALIMENTAÇÃO e 2309

PAPADO - 2444 - No princípio do século VII (ano 607) o imperador Focas outorgou a Bonifácio a primazia injustificável de bispo universal. A partir de então tem-se levado a efeito os maiores atentados à pureza e simplicidade da igreja dos tempos que se seguiram ao regresso de Jesus as regiões da Luz, culminando em 1870 na declaração da infalibilidade papal. EMMANUEL em EMN 3 - EMN 35 - CMQPG 184 a 188 e 215 - CSL 297 - CTNPG 20 a 22, 88 e 89 - EGTPG 135 e 146 - EPL 7 - LAV 19 - MCRPG 105 - NPM 101 - RTR 18 - RVCPG 7, 40 e 68 - vtb 419, 2742, 3053 e 3302

PARÁBOLA - 2445 - Abrirei em parábolas a minha boca e publicarei coisas ocultas desde a fundação do mundo. MAT 13:35 - ROM 16:25 e 26 - PCR 2:7 - EFE 3:9 - CLS 1:5 e 6 - SLM 78:2 a 4

PARÁBOLA - 2446 - Acerca da previdência. LUC 14:28 a 33 - NPM 105 - PLE 20 - vtb 691

PARÁBOLA - 2447 - As parábolas do Evangelho são como as sementes divinas que desabrochariam, mais tarde, em árvores de misericórdia e de sabedoria para a Humanidade. EMMANUEL em CSL 290

PARÁBOLA - 2448 - Chega, porém, a hora em que vos não falarei mais por parábolas, mas abertamente vos falarei acerca do Pai. JOO 16:25 - vtb 535

PARÁBOLA - 2449 - Da candeia. MAT 5:14 e 15 - MAR 4:21 a 23 - LUC 8:16 a 18 - NRN 10 - PJS 20 - PLE 13 - vtb 655, 1791, 1798 e 2257

PARÁBOLA - 2450 - Da dracma perdida. LUC 15:8 a 10 - ETS 27 - PJS 29 - PLE 21 - vtb 214, 2453 e 2464

PARÁBOLA - 2451 - Da figueira em vegetação. MAT 24:32 e 33 - MAR 13:28 e 29 - LUC 21:29 a 31 - PJS 15 - vtb 2416

PARÁBOLA - 2452 - Da figueira estéril. MAT 21:18 a 22 - MAR 11:12 a 14 - LUC 13:6 a 9 - EVG 19/9 - CVV 122 - ETS 13 - JEV 16 - LES 64 - NPM 25 - PJS 11 e 21 - PLE 18 - vtb 613, 932 e 1350

PARÁBOLA - 2453 - Da ovelha desgarrada. MAT 18:12 a 14 - LUC 15:4 a 7 - PPD 2:25 - EGTPG 239 - ETD 51 - PJS 8 - PLE 21 - vtb 214, 2450, 2464 e 2590

PARÁBOLA - 2454 - Da pérola. MAT 13:45 e 46 - PJS 6 - PLE 4

PARÁBOLA - 2455 - Da rede (que apanha toda qualidade de peixe). MAT 13:47 e 48 - EGTPG 158 - PJS 7 - PLE 5

PARÁBOLA - 2456 - Da semente. MAR 4:26 a 29 - ETS 90 - ITP 8 - LES 59 - PJS 19 - PLB 7 - PLE 27 - PNS 7 - TCL 34 - vtb 478, 493 e 1127

PARÁBOLA - 2457 - Das bodas, ou da grande ceia. MAT 22:2 a 14 - LUC 14:16 a 24 - EVG 18/2 - EGTPG 210 - ETV 36 - NSC 34 - PJS 14 e 28 - PLE 10 - PVE 127 e 128 - RES 29 - vtb 754 e 2974

PARÁBOLA - 2458 - Das virgens prudentes e loucas. MAT 25:1 a 13 - PJS 17 - PLE 11 - vtb 2983, 3364 e 3389

PARÁBOLA - 2459 - Do amigo importuno. LUC 11:5 a 8 - PJS 24 - PLE 15

PARÁBOLA - Do avarento. v. 2470

PARÁBOLA - 2460 - Do bom samaritano. LUC 10:29 a 37 - EVG 15/3 - GNS 15/53 - ALV 19 - ANH 14 - ATR 27 - AVD 15 - BVS 14 - CME 3 - CRG 18 e 23 -CVD 55 - CVO 37 - EDL 36 - EMC 7 e 23 - EPV 32 - ETS 74 e 91 - EVD 86 - JEV 21 - LES 28 e 40 - LNL 11 - LRD 47 - MUN 42 - NOS 13 - PJS 23 - PLE 14 - RES 49 - RFG 21 - RTR 16 - RUM 9 - VJR 1 - vtb 1673, 2065, 2712, 2796 e 3074

PARÁBOLA - Do cego que guia outro cego. v. 423

PARÁBOLA - 2461 - Do credor incompassivo. MAT 18:23 a 34 - EVG 11/4 - PJS 9 - PLE 6 - vtb 2064 e 2584

PARÁBOLA - 2462 - Do fariseu e do publicano. LUC 18:9 a 14 - EVG 27/4 e 14 - PJS 35 - PLE 26 - vtb 1443 e 2289

PARÁBOLA - 2463 - Do fermento. MAT 13:33 - LUC 13:21 - EGTPG 234 - NPM 30 - PJS 4 - PLE 3 - vtb 1293

PARÁBOLA - 2464 - Do filho pródigo. LUC 15:11 a 32 - MAT 18:12 -GNS 15/53 - DMV 13 - EPH 5 e 11 - FVV 13 e 88 - MMD 59 - NPM 5, 6 e 27 - NSS 8 - PCT 28 - PJS 30 - PLE 21 - PNS 24 e 157 - PVE 97 e 98 - QTM 3 - SNL 23 - URV 12 - VEP 7 - vtb 1441, 2450 e 2453

PARÁBOLA - 2465 - Do grão de mostarda. MAT 13:31 e 32 - MAR 4:30 a 32 - LUC 13:19 - PCR 15:37 - CVV 35 - EPV 17 - MSG 35 - NPM 30 - PJS 3 - PLE 3 - vtb 1447

PARÁBOLA - 2466 - Do juiz iníquo. LUC 18:2 a 8 - PJS 34 - PLE 25 - PMG 31

PARÁBOLA - 2467 - Do moço rico. MAT 19:16 a 22 - MAR 10:17 a 22 - LUC 18:18 a 23 - CDV 34 - CMQPG 219 e 309 a 313 - CVV 149 - LZA 15 - MMD 2 - PETPG 274 - vtb 335, 341, 667 e 1843

PARÁBOLA - 2468 - Do mordomo infiel. LUC 16:1 a 13 - EVG 16/14 - ATT 20 - DMV 30 - ETS 6 - FVV 75 - LMV 9 - MMD 4 - NSS 18 -PJS 31 - PLE 22 - PVE 178 - vtb 106, 1299 e 2995

PARÁBOLA - 2469 - Do rico e o mendigo Lázaro. LUC 16:19 a 31 - ABS 13 - ELZ 49 - ETS 32 e 57 - EVD 69 - LRD 16 - NPM 69 - OBV 8 - PJS 32 -PLE 23 - PNS 116 - PTC 28 - TCB 25 - VZG 5 - vtb 593

PARÁBOLA - 2470 - Do rico insensato. LUC 12:16 a 21 - EVG 16/todo - ADR 10 - EGTPG 210 - ETS 8 - FVV 120 - PJS 25 - PLE 16 - SGU 15 - SMT 20 - vtb 657 e 671

PARÁBOLA - 2471 - Do semeador. MAT 13:3 a 8 e 18 a 23 - MAR 4:3 a 8 e 14 a 20 - LUC 8:4 a 15 - EVG 17/6 - ANH 11 - BDA 20 - CFZ 13 e 50 - CLA 49 - CPL 4 e 18 - CRG 36 - DAP 19 - EGTPG 158 - FVV 64 - HCT Prefácio - IES 35 - LES 52 - MDS 89 - MMD 53 - NPM 4 e 32 - OES 42 - PAZ 6 - PJS 1 - PLE 1 - PNS 25 - PTC 22 - PVE 51 - RLZ 58 - SJT 10 - vtb 689, 1245 e 3255

PARÁBOLA - 2472 - Do servo trabalhador. LUC 17:7 a 10 - PJS 33 - PLE 24 - vtb 479 e 2997

PARÁBOLA - 2473 - Do tesouro escondido. MAT 13:44 - ETD 53 - PJS 5 - PLE 4

PARÁBOLA - 2474 - Do trigo e do joio. MAT 13:24 a 30 e 36 a 43 - PJS 2 - PLE 2 - RVCPG 34 - VLZ 68 - vtb 1324, 1518, 1640 e 2243

PARÁBOLA - 2475 - Dos dois filhos (um disse que não ia trabalhar, mas foi; o outro disse que ia e não foi). MAT 21:28 a 31 - CVD 6 - JAT 8 - LPE 5 - NSS 3 - PJS 12 - PLE 8 - STL 12

PARÁBOLA - 2476 - Dos lavradores maus (ou vinhateiros homicidas). MAT 21:33 a 41 - MAR 12:1 a 9 - LUC 20:9 a 16 - GNS 17/30 - EGTPG 212 - PJS 13 - PLE 9

PARÁBOLA - 2477 - Dos primeiros assentos e dos convidados. LUC 14:7 a 14, 11:43 e 20:46 - MAR 12:38 e 39 - PVB 25:7 - EVG 7/5 e 6 - CVV 126 - PJS 27 - PLE 19 - PNS 43 - vtb 1411, 1443, 2328 e 2874

PARÁBOLA - 2478 - Dos servos vigilantes. MAT 24:45 a 51 - LUC 12:36 a 48 - CFZ 55 - ETD 22 - PJS 16 e 26 - PLE 17 - vtb 646, 2534 e 3389

PARÁBOLA - 2479 - Dos talentos e das minas. MAT 25:14 a 30 - LUC 19:11 a 27 - EVG 16/todo - CDE 14 - DNH 13 e 20 - ETR 30 - ETV 4 - FEV 6 - FVV 132 - LES 44 e 46 - LZA 33 - MDS 2 - NPM 30 - PJS 18 - PLE 12 - PMG 17 - PVD 16 - PVE 7 - RLZ 57 - RML 39 - SCS 10 - TVM 9 - VLZ 2 - vtb 655, 870, 1299, 2026, 2534 e 3396

PARÁBOLA - 2480 - Dos trabalhadores e das diversas horas do trabalho. MAT 20:1 a 16 - EVG 20 todo - ADR 19 - ALZ 7 - COI 25 - FPZ 1 - GPT 6 - JEV 27 - LMV 8 - NPM 48 - NSC 6 - NSS 1 - PJS 10 - PLE 7 - PNS 29 - RFG 20 - vtb 1814 e 2974

PARÁBOLA - 2481 - Jesus as explicava em particular aos discípulos. MAR 4:10 e 34 - BNV Prefácio - CMQPG 132

PARÁBOLA - 2482 - Porque Jesus falava por parábolas. MAT 13:10 a 14 - MAR 4:10 a 12 - LUC 8:10 - LEP 627 - EVG 24/4 e 6 - CTNPG 37 e 38 - CVV 108 - ETS 68 - MDC 24 - MDS 115 - PJS Prefácio -RES 59 - vtb 475
____

*