Das condições necessárias para magnetizar
-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

____19. A ação de emitir radiações magnéticas é comum a todos os corpos.

  • Os minerais,
  • os vegetais
  • e os animais emitem radiações de todas as espécies em graus diferentes.

____Existe nos metais uma propriedade particular que, quer pela eletricidade ou pelo magnetismo, de que ela não seria mais que uma modificação, quer por qualquer outra causa que nos escape, torna-os próprios para exercer uma ação direta sobre a força_nervosa, ...

  • para atrair quando se os aplica à superfície do corpo,
  • e para reparti-la uniformemente no organismo quando são dados internamente debaixo de forma conveniente.

____Esta propriedade, variável com os diferentes metais e ligas, atrativa ou repulsiva, segundo os indivíduos a que ela se dirige, parece constituir tantas aptidões metálicas quantos são os metais existentes. (Dr. Burg)
____As emanações das diferentes substâncias da natureza, principalmente dos vegetais, são uma parte essencial de suas propriedades; estas emanações operam diversamente sobre cada órgão:

  • os estupefacientes, tais como o ópio e as solâneas, atuam sobre o sistema_nervoso;
  • a valeriana e a vulvária sobre aparelho genital;
  • o espargo, sobre os rins e a bexiga. (Theophraste, Aristóteles)

____Os corpos organizados podem, do mesmo modo que os corpos inorgânicos, colocados em certas condições e debaixo de certas influências, ser a sede de uma modificação que deve traduzir-se:

  • 1º) pelo calor, chamado animal;
  • 2º) pela eletricidade, produção da eletricidade na tremelga, no gymnoto (peixes elétricos), etc.:
  • 3º) pela luz, insetos luminosos, pirilampos, mais da escala animal, os noctilucos, animalculos do grupo dos rhizopedes, que são a causa da fosforescência do mar em certas circunstâncias. (Dr. A. Barety)

____20. As relações magnéticas que, entre os corpos inorgânicos, minerais e vegetais, se exercem de uma maneira uniforme, porém incompletas são insensivelmente modificadas e aperfeiçoadas no reino animal, pelo poder de volição, que é o apanágio dos corpos organizados: a vontade impera sobre os movimentos voluntários, e o princípio ativo os executa. (Van Helmont)
____Não há quem desconheça as faculdades magnéticas de certos animais: a cobra, o sapo, a ave de preza, o cão de caça rasteira, o gato, etc., e em geral todos os animais caçadores.
____21. O homem, pela superioridade do seu poder de volição, é mais apto do que o animal, para regularizar, condensar e projetar as suas radiações magnéticas.

  • Há um magnetismo mineral,
  • um magnetismo vegetal,
  • um magnetismo_animal, porém é preciso distinguir cuidadosamente o do homem dos demais; porque o magnetismo humano resulta não somente das propriedades do corpo, mas também das faculdades da alma. O magnetismo reduzindo-se a uma simples comunicação de movimento de um indivíduo para outro, acontece que há tantos gêneros como indivíduos, possuindo cada um a maneira de radiações que lhe é própria. ( De Bruno)

____22. Magnetizar sendo uma faculdade natural comum a cada indivíduo, segue-se que qualquer é apto para magnetizar, fora de toda a consideração de sexo, de idade e de temperamento. Só pode haver neste ponto graduações resultantes do grau de aptidões de cada qual para exercer esta faculdade.
____23. Estes graus de aptidão decorrem de certas condições. Para magnetizar bem, torna-se necessário ...

____O melhor magnetizador é aquele que possui um bom temperamento, um caráter ao mesmo tempo firme e tranqüilo, o germen de paixões vivas sem ser subjugado por elas, uma vontade forte sem entusiasmo, a atividade reunida à paciência, a faculdade de concentrar sua atenção sem esforços, e que magnetizando se ocupe unicamente do que faz. (Deleuze)
____24. Saúde. __ A origem e a causa dos fenômenos magnéticos sendo a irradiação vital, nãoé duvidoso que se o operador não estiver em uma disposição de saúde e de força convenientes, se estiver fatigado, esgotado por um excesso qualquer, anêmico ou doentio, não produzirá, apesar de toda a boa vontade de que estiver possuído, senão fracas emissões radiantes, e por conseguinte, resultados quase nulos. A primeira das condiçõesé, pois, ter um bom temperamento e uma boa saúde.
____Entretanto, não se creia que o poder magnético caminhe a par da força muscular; um homem solidamente constituído, de envergadura hercúlea, é muitas vezes menos apto para a produção dos efeitos magnéticos, do que um homem de aparência mais delicada, porém dotado de uma constituição física especial: provém isso de que o sistema nervoso representa aqui um grande papel para condensar no interior e projetar no exterior; e essa faculdade de condensação e emissão não apresenta nenhuma relatividade com o vigor corporal, que não poderia supri-la.
____25. O regime favorece consideravelmente esta faculdade radiante: cumpre ser sóbrio, habituar-se a restringir as suas necessidades e a comer pouco; quanto mais se desenvolve a função digestiva e mais trabalho se lhe dá, tanto maior é a restrição da potência nêurica condensante e radiante, estando esta em proporção inversa das funções vegetativas.
____É um preconceito acreditar-se que uma alimentação rica e forçada entretém melhor a saúde; o abuso dos alimentos detém, pelo contrário, todo o funcionamento vital: "Qui nimis alitur, non satis alitur", aquele que come muito, não se nutre bastante.
____O abuso dos alimentos produz o mau odor da transpiração e do hálito; a combustão sendo imperfeita, a pele exala ácidos, assim como a superfície pulmonar; é assim que a alcalinidade do sangue pode ser diminuída pela invasão dos ácidos não queimados (Dr. Bouchard). Os pobres estão menos vezes doentes por falta de alimento, do que os ricos por excesso deles (Fénelon).
____O eu é tanto mais vivaz e mais poderoso quanto menos freqüentemente se renovar a matéria que o sustenta. Os comilões ativam suas funções vegetativas, duplicam suas eliminações e suas excreções; possuem um eu menos consciente, menos ativo e menos lúcido, e o movimento para mais que eles dão aos órgãos industriais do corpo, isto é, as vísceras, indo atuar sobre o cérebro, traz alucinações e desarranjos intelectuais; os comilões tendem a tornar-se hipocondríacos, inconscientes, imprestáveis e idiotas. (Louis Lucas)
____26.Para desenvolver as faculdades magnéticas, o regime vegetariano, aplicado sem exagero e sem prevenção exclusiva, é incontestavelmente o melhor; faz-se preciso comer pouca carne, suprimir por completo o uso do álcool e beber muita água pura.
____Os carnívoros têm a língua suja, o hálito mau, as dejeções irregulares e fétidas, desarranjos gastro-intestinais freqüentes, afecções cutâneas habituais, enxaquecas, reumatismos, obesidade ou edemacia. (Dr. Bouchard)
____O álcool, assim como os éteres, as essências e seus derivados, atuam profundamente sobre os centros nervosos exaltando e paralisando alternativamente as funções psíquicas, e alterando deste modo, com o correr do tempo, a vitalidade da medula, que presideà nutrição dos tecidos. (Claude Bernard)
____A água tomada como bebida, a água absolutamente pura e simplesmente filtrada,é indispensável em certas proporções para acelerar os atos da desassimilação e favorecer as metamorfoses orgânicas; está agora infelizmente banida da mesa do rico e do pobre; ninguém hoje bebe mais água natural, entretanto, sua falta faz com que os produtos da desnutrição se acumulem no sangue, as condições da osmose se suspendam, e os produtos excrementícios acumulados venham viciar os tecidos e os humores. Para passa bem, é preciso beber pelo menos de um litro a litro e meio d'água pura nas vinte e quatro horas. (Dr. Bouchard)
____É um preconceito acreditar que a carne nutre a carne. O regime da carne e do sangueé, pelo contrário, nocivo a beleza das formas, ao viço da tez, à vegetarianos às influências epidêmicas e contagiosas; os miasmas mórbidos e os vírus encontram um terreno maravilhosamente preparado para o seu desenvolvimento nos corpos saturados de humores e de substâncias mal elaboradas, nocivas ou já meio fermentadas e em decomposição. Por outro lado, o uso dos condimentos e adubos, inseparável da alimentação animal, pouco a pouco embota a sensibilidade olfativa, a sensibilidade gustativa, e leva os carnívoros a estimularem os seus sentidos com o uso do fumo, do álcool e das bebidas fermentadas. (Professor Raoux, de Lausanne)
____27.Finalmente, uma das condições higiênicas mais importantes a seguir-se, é evitar com cuidado todos os atos da vida que, próxima ou remotamente, possam, afetando o físico ou o moral, trazer despesas nervosas bastante sérias, que enfraqueçam ou esgotem prematuramente as fontes preciosas da irradiação vital.

Desejas, com critério e prudência,
Tua saúde poupar?
Aprende a beber pouco;
E de Venus às cadeias
Mais criteriosamente ainda
Não entregues os teus pulsos.
(Escola de Salerno)

Os males, os desgostos, a cólera, a canceira
De teus dias devorados abreviam a carreira.
(Escola de Salerno)

____28.Calma __ A calma é uma das qualidades mais essenciais para magnetizar. Sem calma não há ponderação, nem equilíbrio, e por conseguinte não pode haver poder irradiante e regularidade de transmissão.
____Só a calma torna-nos atentos, perseverantes, confiantes e dá essa virtude preciosa que se chama paciência.
____Se se desconfia de si, se se duvida, se se está hesitante, se se age molemente e sem perseverança, se há falta de ordem e de confiança, se não se observa, ou se observa mal o seu doente, se em vez de se agir no interesse dele, se diverte em provocar certos efeitos no intuito de satisfazer uma curiosidade frívola ou disfarçar a impaciência que se experimenta, arrisca-se a fazer pouco benefício; porque uma atenção acurada, e uma confiança perseverante são os verdadeiros agentes de toda a ação magnética, e onde estes preciosos elementos chegam a faltar, todos os esforços neutralizam-se.
____Se a calma é a qualidade quotidiana, mais útil àquele que quer magnetizar, esta qualidade torna-se inteiramente indispensável nos casos em que a natureza, produzindo crises, exige do operador todo o sangue frio de que é suscetível para auxiliar o doente a sair vitoriosamente dessas situações difíceis.
____A curiosidade, que ordinariamente é um grande defeito, torna-se um vício radical no magnetizador; um curioso jamais deixa em repouso o doente no qual não obtivera efeitos que o distraiam do aborrecimento experimentado em magnetizar. Assim, as pessoas curiosas, instáveis, versáteis, irregulares nos seus sentimentos e nos seus modos, não conseguem nenhum êxito curador. (Aubin Gauthier)
____29.Vontade __ A vontade atua de uma maneira poderosa no ato de magnetizar; é necessário, pois, desenvolver muita vontade quando se magnetiza.
____Entretanto não se acredite, como pretendem alguns, que a assim não acontece, e só devemos considerar a vontade como agente interno encarregado de regular, dirigir e sustentar nossa ação.
____Explico-me:
____Tenho em mãos uma bola, hesito em atirá-la, e, em lugar de o fazer, deixo-a cair. A falta de minha vontade produziu o relaxamento dos músculos que apertavam a bola; estes músculos distenderam-se e a bola caiu. Se eu a tivesse atirado, ela não teria partido por si, tê-la-ia impelido e seria acompanhada de minha vontade até ao fim.
____É desta maneira que se pode compreender como retemos, deixamos cair ou dirigimos as nossas radiações. Quando não sabemos querer, elas conservam-se inativas e neutras; escapam-nos inteiramente sem direção determinada, se não sabemos condensálas e retê-las; tornam-se intensas e encaminham-se como a trajetória da bola, quando sabemos e queremos dirigi-las para um fim. Todo o segredo do mecanismo da vontade, como agente de tensão, reside neste ponto.
____A nossa vontade atua mais sobre nós mesmos do que fora de nós; produz uma atividade maior no cérebro e em todos os plexus, e daí resulta uma emissão maior e mais intensa na ação. Quanto mais a vontade se exprime com firmeza e continuidade, tanto mais a emissão se faz abundante e intensa. (La Fontaine)
____Os principais agentes de que o homem se serve em magnetismo são: a vontade e a atenção. A vontade determina e dirige a ação, a atenção sustenta-a e aumenta-a. Pela vontade, o homem imprime sua ação e dirige-a para onde quer. (De Bruno)
____Sem vontade não há atenção; se esta se desvia do seu objetivo, aquela se enfraquece: uma dirige e a outra esclarece. (Aubin Gauthier)
____30. Benevolência __ Todos, indistintamente, podem produzir efeitos magnéticos; porém, para curar, é necessário possuir um fundo inesgotável de caridade e de benevolência, é preciso amar ao seu semelhante.
____O homem bom, caridoso, benévolo, será certamente mais atingir o seu fim, que o indiferente; há, pois, muitas probabilidades de que produza efeitos salutares.
____Se a benevolência não é absolutamente necessária para agir, é indispensável para ser útil (Aubin Gauthier). Se, há um século, Mesmer se contentasse em anunciar aos sábios da Europa que uma vontade firme e benevolente era o remédio soberano que se precisava contrapor exclusivamente a todas as nossas moléstias, a extrema simplicidade de um tal asserto tê-lo-ia coberto de ridículo, e o magnetismo talvez tivesse morrido ao nos meios de torná-la aceita. Foram os esforços de Mesmer para cativar os espíritos pelo mistério e o desconhecido, e certos processos que empregou nesse intuito, que forneceram aos seus adversários um motivo para atacar a sua maneira de agir. (Dr. Tesle)
____31. __ Será preciso ter a fé para magnetizar? A fé não é precisamente uma condição indispensável para agir. A incredulidade não impede a produção de efeitos magnéticos; entretanto, sem uma confiança absoluta nos meios que se emprega e no fim que se procura atingir, a vontade flutua e a atenção paralisa-se; ao incrédulo falta-lhe perseverança e paciência, não possui esse fogo sagrado que triunfa dos obstáculos e das dificuldades, não tem esse precioso elemento do bom êxito, a confiança, que é a única que pode dar a fé fortificada pela experiência.
____Tomemos um exemplo:

Se alguém vos disser: eis aqui um vintém; todos os dias imponde vossas mãos com perseverança sobre esta moeda de cobre, e em breve a vossa tenacidade e a vossa confiança serão largamente recompensadas: o vintém se transformará em ouro. Se não tiverdes confiança na afirmativa que se vos faz, nem na pessoa que vô-la dá, acontece que não vos preocupareis por certo com um fato que vai de encontro a todas as idéias adquiridas, e, se aquiescerdes a ele, não tereis perseverança; entretanto, se efetivamente existisse ali um meio de metamorfosear o cobre em ouro, não teríeis perdido uma bela ocasião de lucro, pela vossa tendência a incredulidade?

____Admitamos, pelo contrário, que pondo de parte qualquer prevenção, vos dispusésseis escrupulosamente a verificar pela experiência uma afirmação que choca os vossos preconceitos e que assim chegásseis a averiguar a verdade do fenômeno; com que ardor perseverante, com que paciência a toda prova não estaríeis desde então armado para renovar o milagre à saciedade!
____Este exemplo aplica-se aqui bem: uma simples imposição das mãos pode produzir prodígios, mas quem não experimentou e não viu não pode acreditar nessas maravilhas; e, enquanto por si mesmo não se conseguiu esses efeitos surpreendentes, conserva-se o homem cético e sem fé, indeciso e fluctante, dificilmente dispõe-se às peníveis demoras de uma operação, que muitas vezes demanda esforços contínuos e uma paciência inesgotável.
____Pode-se, pois, magnetizar sem ter a fé, porém ela torna-se necessária para fazer o bem, para restituir a saúde àquele que a perdeu.
____A falta de confiança dá a timidez; teme-se um efeito magnético em vez de desejá-lo; se ele se apresenta, recebe-se-o com inquietação; os efeitos imprevistos enchem de pasmo ou impelem-no a imprudências e exageros que se não dariam se se tivesse por guias a reflexão, o critério e a experiência (Aubin Gauthier)
____32. Saber __ O magnetismo, considerado debaixo do ponto de vista do exercício de uma faculdade natural, está ao alcance de todos; e para fazer bem ao seu semelhante, basta possuir um coração simples e benévolo; se se considerar o espiritismo sob o ponto de vista dos altos problemas de fisiologia e de psicologia que ele pode resolver, não é bastante um bom coração, é necessário uma grande inteligência e saber.
____Tomemos um meio termo entre estes dois extremos e digamos que, para praticar o magnetismo_curador com bom êxito, convém reunir às qualidades que acabamos de enumerar alguns conhecimentos de anatomia e de fisiologia e o estudo das melhores obras que têm tratado do magnetismo.
____33. Finalmente, antes de procurar tratar de um doente, cumpre fazer um exame de si próprio e refletir maduramente: considerando o objeto que se propõe, que é curar, como um verdadeiro sacerdócio, é necessário tomar a resolução de imprimir a todos os seus atos o mais correto procedimento, as mais puras intenções, uma inteira discrição, uma dedicação absoluta e só empreender o tratamento quando se está certo de levá-lo a bom termo nas condições exigidas.

[131 - Capítulo II ]

Ver também:
*